Associação Nacional dos Veteranos do Btl.Suez /Comentários

De: Theodoro da Silva Junior <theojr@terra.com.br>
Data: 1/04/2007 (11:58:18)
Assunto: SITE DO SHK+ NOTÍCIAS DO BTL.SUEZ

CAROS COMPANHEIROS DO BTL.SUEZ.

Conforme já foi ventilado recentemente, aquela Medalha PREMIO NOBEL DA PAZ, a que tínhamos direito, foi bloqueadas todas as intenções de aquisições, diretamente da Noruega. Alguém da diplomacia brasileira conseguiu suspender essa Medalha, e portanto abriu um leque de informações e contra-informações desencontradas. Porém o fato concreto é que desde janeiro 2007 estão suspensas e bloqueadas as aquisições da Medalha Nobel da Paz. " Nosso maior trunfo".

Numa tentativa de nos reagruparmos, em torno de um mesmo ideal, RESSURGE DAS CINZAS a velha mas eficiente idéia da criação daquilo que um dia nós chamamos de ABIBS/BRASIL - Lembram?.

No ano passado foi um sonho truncado devido o falecimento do grande cabo JOSÉ LIMA (Taubaté), naquela época estavam vivos nossos ideais, e era para promulgarmos o nascimento da ABIBS/BRASIL no encontro de CAÇAPAVA-SP. Não deu, não foi possível por desmotivação das principais cabeças da idéia. Mas quase foi possível, chegamos muito próximo de concretizar aquele velho sonho.

Vejam abaixo, cópia do e-mail que recebi do cabo MALTA .

O Malta e o MARINS estão residindo nos EUA, o Malta foi o primeiro a descobrir a Medalha Nobel da Paz, e portanto nem precisaria estar se preocupando com o tal bloqueio que a Diplomacia Brasileira nos legou, mas mesmo assim arregaçaram as mangas e foram para a luta na tentativa de que possamos reaver nossos direitos de aquisição da Medalha Nobel da Paz.

Então vejam a nova, e sempre brilhante, idéia do Marins e do Malta, para que FINALMENTE possamos criar a encantada ABIBS/BRASIL, agora com outra denominação, que em nada diminui a intenção geral.

Vejam meus preclaros e dignos amigos. Com a criação dessa Associação Nacional, não haverá nenhuma interferência nas Associações hoje existentes. essas Associações continuam com suas atividades normais, uma vez que cada uma delas está restrita exclusivamente na sua paróquia regional, em seu próprio Estado. Porém necessitamos com toda urgência de uma Associação de abrangência Nacional, para cuidar dos interesses gerais sem cair em demérito das demais associações.

É necessário que cada Boina Azul jogue na lata do lixo qualquer tipo de revanchismo, e radicalismos; e vamos sim dar toda nossa força e atenção a proposta inicial do Marins e do Malta, para que essa idéia possa amadurecer e venha a dar seus frutos o mais breve possível. Precisamos de União Nacional, firme forte coesa e determinada. A sua Associação continuará promovendo os encontros e eventos que julgar conveniente e/ou interessante, mas que por favor aceitem a idéia de uma Associação Nacional, caso contrário estamos fadados ao desaparecimento.

Se você concordar com o que vai ler abaixo, por favor faça um comentário e repasse para todos os seus amigos de Suez. E, na medida do possível, venha associar a mais nova Associação que está em vias de ser concretizada. A Associação Nacional dos Veteranos do Btl.Suez. Mesmo que você seja contra essa idéia exteriorize seu comentário a respeito.

Veja o texto abaixo, e aceite minha Cordial saudação.
Um Abraço, Theodoro

         
   

SITE DO SHK+

In a message dated 3/31/2007 10:46:55 P.M. Eastern Daylight Time, spmarins@hotmail.com writes: ESTÁ O MAIOR REBÚ ( RONALDO, VARGAS, THEODORO, ETC....) COM RELAÇÃO A SUSPENSÃO DA LIBERAÇÃO DAS MEDALHAS.

VAMOS TENTAR REUNIR O MAIOR NUMERO DE INTERESSADOS E SONDAR COM A EMPRESA RESPONSÁVEL A ENCOMENDA DAS MEDALHAS. SE O BLOQUEIO FOR MUITO FORTE ESTUDAREMOS A VIA JURÍDICA.
 

   

 

COMENTÁRIOS DOS COMPANHEIROS

 


   

( E-mail do Malta ao Marins )

Faraó Marins,

Ao meu ver, o mais urgente no momento é a fundação da Associação dos Veteranos de Suez do Brasil. Com e sob este órgão oficial ( localizado, por exemplo num cômodo do velho 2RI ) toda e qualquer ação legal terá efeito muito mais efetivo e significativo.

O próprio formulário de aplicação para a medalha & diploma requerido pela SHK requer que o candidato seja aprovado por uma organização oficial ( em geral a Associação de Veteranos. Assim o é em todos os outros paises ).

Uma meia dúzia de "gatos pingados" acaba por se dispersar e se torna, com o tempo, difícil se reunir.

Esta, digamos, AVSB ( Associação de Veteranos de Suez do Brasil ) não só passa a autenticar todos os documentos referentes aos veteranos brasileiros da UNEFI e II mas, também se encarregaria de organizar todo tipo de festividades, paradas, feriados, shows, cerimônias...etc referentes. É um órgão oficial que poderá entrar em qualquer tipo de disputa legal a respeito dos veteranos.

Penso que esta ASVB nossa pode e deve se orientar inicialmente pelas outras já existentes noutros paises. Uma das razoes para isto não é a confraternização mais facilmente possível mas, também a abertura da possibilidade de uma associação numa causa comum, como este impasse da suspensão das medalhas que naturalmente está afetando a ele também.

Sugiro que a nossa ASVB se forme não só de cabos e soldados mas que também inclua sargentos e oficiais pois, a hierarquia tem lá o seu valor em casos jurídicos. Ainda que seja uma entidade fundamentalmente civil ela estará tratando basicamente de assuntos de teor militar.

Posteriormente, a ASVB poderá conseguir verba governamental para sua manutenção e expandir na inauguração de monumentos e praças publicas e até mesmo um museu onde seria comportada a historia destes 11 anos em nome da Paz que o Brasil garantiu lá no Oriente Médio.

Como vê, meu velho amigo das areias, há uma larga faixa para atividades interessantes aos hoje já, de fato, velhos & cansados mas, orgulhosos mantenedores da paz mundial durante vários anos em Suez.

Dê uma olhada hoje por lá' e veja a falta que andamos fazendo...

A Medalha é Valor adquirido e oficialmente reconhecido.

Abrs, Malta

PS: Cá entre nos, desconfio que este bloqueio feito pelo ministro de Defesa da Noruega é exclusivamente político. Penso que por causa da inclusão recente dos veteranos da Guerra da Korea ( isto inclui os USA ) dentro da situação de guerra atual... Será?
 

   

 

   

 
De: Hpfelix <hpfelix@gmail.com>
Data: 1/04/2007 (15:35:39)
Assunto: SITE DO SHK+ NOTÍCIAS DO BTL.SUEZ

Habibs e irmãos,

Concordo em gênero, número e grau quanto a criação imediata da Associação de Veteranos pois a abrangência nacional fará com que sejamos fortes e tendo a união de todos, poderemos finalmente falar uma só lingua e merecer mais respeito e reconhecimento que nós soldados da paz somos dignos e agradecemos!

Um forte abraço à todos e vamos fundar então a Associação Nacional!

Heraldo Félix - 12º Contingente

   

 


 

   

Associação Nacional

Caro habib Theodoro

Ao ler seu comentário sobre a nova Associação Nacional apressei-me em levar ao
conhecimento de todos os habibs o seguinte: Já existe a Federação Nacional das Forças Internacionais de Paz das Nações Unidas (FENAFIP), devidamente legalizada tanto no Estado onde ela se originou(Rio de Janeiro) como também em Brasília no Ministério da Defesa. O Presidente é o Vilela que esteve em São Domingos.

A Sede é em Niterói no Rio de Janeiro.Na próxima semana estarei com ele e vou pedir para ele colocar no site do Batalhão Suez maiores informações.

Um grande abraço do beduíno

Edson Koetz (5o.Contingente).

Meu e-mail: pracinhasuez@yahoo.com.br
 

   

Para: <pracinhasuez@yahoo.com.br>
De: "Theodoro da Silva Junior" <theojr@terra.com.br>
Data: Thu, 05 Apr 2007 20:57:46 -0200
Assunto: RESPOSTA DO THEODORO:- Associação Nacional

Meu caro EDSON KOETZ

Eu já sabia da existência dessa Federação da Forças de Paz, desde 2001 quando estive participando, como ouvinte, do Mal fadado "1º SEMINÁRIO NACIONAL DOS SOLDADOS DA PAZ" cujo evento aconteceu, por uma semana, no Salão Nobre da Associação do Méier - RJ.

Naquela oportunidade tive o privilégio de conhecer o Vilela, que usou da palavra num dos momentos daquele evento. Depois ele não mais apareceu por lá.

Mas foram infrutíferas as iniciativas do Vilela de emplacar aquela Federação em nossa "confraria", como sendo lídima representante dos Boinas Azuis do Brasil.

Naquele Seminário o sr. Vilela não conseguiu a simpatia dos "Boinas Azuis de Suez que estavam presentes no plenário do seminário", isto porque estávamos ali reunidos justamente na tentativa de organizar uma equipe coesa, com os mesmos objetivos talvez.
Entre outras pretensões o Seminário trabalhava primeiramente, para criar uma Comissão Nacional, com vistas a uma união Nacional da classe.

Essa Comissão criada instalada, mas que nunca funcionou, teria as primeiras incumbências de cuidar e tratar de todas as nossas reivindicações de âmbito nacional. Uma delas era justamente como conseguirmos a Medalha e diploma do Premio Nobel da Paz, a outra grande intenção do Seminário e da Comissão instalada, seria cuidar das "PECs" que tramitavam pelo Congresso Nacional, e das diversas Petições Judiciais, que buscavam obter benefícios pecuniários. Naquele momento rolavam algumas Ações na Justiça Federal, outras estavam sendo elaboradas em grupos de pessoas e muitas outras já tinham dado entrada para os trâmites. Todas acabaram em fracassos e constrangimentos.

Hoje em dia nem desejamos sequer ouvir falar em benefícios pecuniários. Todo nosso ponto de vista e comentários já estão publicados em nosso Site  E então, diante das circunstâncias eu nunca consegui entender a real função da Federação da Forças de Paz, cujo Presidente é o Sr. Vilela. Na minha concepção, a Federação deveria estar tratando dos nossos interesses, e dando o devido respaldo e orientação para todo Brasil.

Cito outro exemplo, a fraca programação das Comemorações dos 50 Anos de criação do Btl.Suez. Houve a solenidade no 2º RI, inicio de dezembro 2006, mas foi uma solenidade muito fraca e mal organizada, a Federação não participou do evento - tinha tudo para tomar peito e organizar, ou ajudar a organizar um Mega evento, porque a data era muito significativa e um marco histórico. Todo pessoal de outros estados do Brasil, que para lá foram comemorar os 50 anos de criação do Btl.Suez saíram decepcionados com aquele fraco evento, que ainda pecou por não fazer divulgação alguma e não souberam explorar a grande mídia.

Porém acho um pouco difícil o reconhecimento dessa Federação nacional já existente, por parte do pessoal de Suez.

Eu acho que você, meu caro Edson, e outros da Federação estão tendo a oportunidade de convencer o pessoal de Suez, de norte a Sul do Brasil. Então perguntaria. Qual o plano de vocês quanto as Associações já existentes no Brasil? O que farão com essas Associações.? quero ver cada Presidente das Associações , de Norte a Sul, aderindo a Federação. Ou então que tal o Sr. Vilela em conjunto e com anuência de seus pares de Diretoria, propor uma Assembléia Geral, tentando uma reformulação nos Estatutos, de forma tal, a programar uma eleição, ainda para este ano 2007. Acho também que uma nova eleição daria respaldo para um reconhecimento geral, bem como uma oportunidade para um eventual revezamento de pessoas no comando da entidade. Senão o mandato de longos anos vira uma ditadura.

Na verdade é necessário um trabalho muito grande e de muita paciência. Vocês terão que apresentar a proposta da Federação para algumas pessoas de peso em nosso meio, a começar pelo Fernando Vargas; passando pelo Cel Veiga, e pelas Associações da Paraíba, de Pernambuco; do Méier; Associação de Campos dos Goytacazes; Associação de São Paulo; Associação do Paraná; Associação de Cuiabá-MT; Associação de Joinville-SC e Associação de Porto Alegre - Rio Grande do Sul.

Aproveite e tente esclarecer esses fatos aos Boinas Azuis que residem nos EUA, o Eugênio Malta e o Marins. Enfim, estendam essas propostas de idéias para todos os Boinas Azuis do Brasil. De minha parte saiba que , a priori, sou neutro e estou na expectativa de boas novas...

Em nosso Site não pretendemos polinizar, nem fazer política. Nosso Site está voltado unicamente na busca do resgate da história e da magia do BATALHÃO SUEZ. Não queremos misturar as coisas. Esporadicamente e em determinados momentos abrimos mão para uma ou outra divulgação de outras entidades, mas nosso esforço maior está direcionado a só falar de Batalhão Suez, das Forças de Paz, suas histórias e assuntos correlatos, isto porque participamos da UNEF - Primeira Força de Paz que o mundo conheceu. Mesmo assim temos o maior interesse na criação da nossa Associação Nacional.
 

ABRAÇOS 

Theodoro


VOLTAR