Convite Passagem de Comando

27º Batalhão Logístico

Enviado por Jauri 

20-12-2016

 

 

HISTÓRICO DO 27º BATALHÃO LOGÍSTICO

O 27º Batalhão Logístico tem suas origens na criação do 5º Pelotão de Reparação Auto, em 15 de maio de 1946. Após ter tomado contato com a estrutura bélica americana, durante a II Guerra Mundial, o Exército criou em seu Quadro Organizacional as OM Logísticas de Manutenção, anteriormente inexistentes. O 5º Pel Rep Auto era atrelado às dependências da 5ª Região Militar que, à época, ainda localizava-se na Praça Rui Barbosa, próximo ao centro de Curitiba. Buscando adequar-se à profusão das missões, e aproveitando as dependências e o pessoal já existente no 5º Pelotão, em 16 de fevereiro de 1950, foi criada a 5ª Companhia Leve de Manutenção. Diante da necessidade de se organizar sistematicamente as OM de apoio ao combate, de acompanhar o processo evolutivo das máquinas de guerra mais avançadas, e, ainda, de adequar a capacidade operacional à grandeza e diversidade das missões, a Portaria Ministerial Reservada n° 061, de 28 de dezembro de 1972 extinguiu a 5ª Cia Lv Mnt e criou, a partir de suas bases, o 27º Batalhão Logístico. A recém criada OM de Logística da 5º Região Militar transferiu-se, nos anos de 1972 e 1973, para o aquartelamento da ‘Ponte do Bacacheri’, dependências que pertenciam ao antigo DRAM/5. No dia 31 de maio de 1973, deu-se a completa desativação da 5ª Companhia Leve de Manutenção e início do funcionamento do 27° B Log. A OM continuou a dividir espaço com o DRAM/5 até o ano de 1975, quando mudou-se para Palmeira, e, também, com o PqRArmt/5, que teve seu nome modificado para PqRMnt/5 e ganhou suas próprias instalações em 1982. O 27º Batalhão Logístico apoia não somente as Unidades Orgânicas da 5ª Região Militar/5ª Divisão de Exército, mas também as OM pertencentes à 14ª Brigada de Infantaria Motorizada e à Artilharia Divisionária da 5ª Divisão. Nesses 39 anos de existência, o 27º Batalhão Logístico vem especializando milhares de militares, tornando-os aptos ao cumprimento das diversas missões logísticas que vem realizando, nas atividades inerentes ao Material Bélico, à Intendência e à Saúde. Para consegui-lo, o Batalhão conta atualmente com o efetivo aproximado de 350 militares, distribuídos em seu Estado-Maior, uma Base Administrativa, uma Companhia de Manutenção, uma Companhia de Suprimento, uma Companhia de Comando e Serviços e uma Companhia de Saúde.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Voltar ao início