PRÊMIO NOBEL DA PAZ DE 1988
Texto Resumo da Wikipédia



Os Prémios Nobel (português europeu) ou Prêmio Nobel (português do Brasil) foram instituídos por Alfred Nobel, um industrial sueco, inventor da dinamite, em seu testamento. São entregues anualmente no dia 10 de Dezembro (aniversário da morte de Alfred Nobel), às pessoas que fizeram pesquisas importantes, inventaram técnicas pioneiras, ou deram contribuições destacadas à sociedade.

Alfred Nobel ficou chocado ao ver a edição de um jornal que noticiou a morte de seu irmão como sendo a sua, e inventou uma forma de ser lembrado. Criou prêmios para que fossem concedidos àqueles que serviram ao bem da Humanidade, mais propriamente àqueles que proporcionaram à Humanidade benefícios no campo da física, química, fisiologia ou medicina, literatura e paz. Nobel nunca criou um prêmio para economia, embora muitos economistas famosos afirmem terem recebido o Nobel de Economia (essa confusão acontece devido ao Premio de Ciências Econômicas em memória de Alfred Nobel).

A primeira entrega dos prêmios

A primeira cerimônia que concedeu os Prêmios em literatura, física, química e fisiologia ou medicina ocorreu no Conservatório Real de Estocolmo em 1901, tendo o Prêmio Nobel da Paz sido entregue em Oslo. Desde 1902, os prêmios são formalmente concedidos pelo Rei da Suécia. No entanto a entrega do Prêmio Nobel da Paz continua a decorrer em Oslo, sendo presidida pelo Rei da Noruega.

O Rei Oscar II inicialmente não aprovou que os prêmios fossem concedidos a estrangeiros, mas mudou de idéia depois de compreender o valor do prestígio que os prêmios dariam ao seu país.

Os Prêmios

Stockholm Konserthuset (Concert Hall), onde acontece a cerimônia de entrega dos prêmios Nobel

Os prêmios são concedidos numa cerimônia formal em Estocolmo, anualmente em 10 de Dezembro, a data em que Alfred Nobel faleceu. Excetua-se o Nobel da Paz, que é entregue em Oslo. Entretanto, os nomes das pessoas laureadas são anunciados em Outubro pelos diferentes comitês e instituições que realizam a escolha para os prêmios. A Fundação Nobel, a entidade administradora dos fundos do prêmio, com sede em Estocolmo, não está envolvida na seleção dos vencedores.

O prêmio consiste numa medalha de ouro, um diploma com a citação da condecoração e uma soma em dinheiro que varia de acordo com os rendimentos da Fundação Nobel, mas que ronda os 10 milhões de coroas suecas (mais de um milhão de euros ou dólares). O propósito original era permitir que as pessoas laureadas continuassem a trabalhar ou pesquisar, sem pressões financeiras.

Os prêmios são concedidos anualmente desde 1901 para realizações em:

a.. Prêmio Nobel da Física (decidido pela Academia Sueca Real de Ciências)
b.. Prêmio Nobel da Química (decidido pela Academia Sueca Real de Ciências)
c.. Prêmio Nobel da Fisiologia ou Medicina (decidido pelo Karolinska Institutet)
d.. Prêmio Nobel da Literatura (decidido pela Academia Sueca)
e.. Prémio Nobel da Paz (decidido por um comitê designado pelo parlamento norueguês)
 
O Prêmio Nobel é concedido sob várias condições: um prêmio pode ser ganho individualmente ou repartido entre até três pessoas no máximo, ou pode não ser concedido em determinado ano, o que permite a concessão de dois prêmios da mesma categoria no ano seguinte. Além disso, o prêmio, num determinado campo, pode ainda não ser concedido por um certo número de anos, caso que ocorreu mais freqüentemente com o Prêmio Nobel da Paz .

Em 1968, o Sveriges Riksbank, o banco central da Suécia, instituiu o "Prêmio de Ciências Econômicas em memória de Alfred Nobel", que é incorretamente referido pelos economistas como um "Premio Nobel da Economia". Este prêmio não tem nenhuma ligação com Alfred Nobel, não sendo pago com o dinheiro privado da Fundação Nobel, mas com dinheiro público do banco central sueco. Os vencedores deste prêmio são também escolhidos pela Academia Sueca Real de Ciências, tendo o primeiro vencedor sido galardoado em 1969. A frase estratégica em memória de Alfred Nobel é a causadora da confusão. A família Nobel não aceita o premio como tal e em 1968, a decisão foi tomada de não se introduzirem mais prêmios em memória de Nobel no futuro. Nobel foi um empresário criticado pela sua produção de produtos bélicos e de ter sido um monopolista, e é curioso que o tenham homenageado por estes feitos. Em todo o caso, o "prêmio Nobel da Economia" é entregue na mesma ocasião que os prêmios originais.

Crítica
Para alguns, há certo depreciamento atual quanto à entrega dos prêmios. O Premio Nobel da Literatura tem sido alvo de críticas por sua utilização como "arma política". A premiação de Elfriede Jelinek devido "ao seu fluxo musical de vozes e contra-vozes em novelas e peças que, com extraordinário zelo lingüístico, revelam o absurdo dos clichês da sociedade e seu poder de subjugo" e Harold Pinter têm mais de certo "protesto" quanto merecimento ao premio. Ambos são críticos ferozes do governo de George W. Bush na presidência americana.




de Theodoro da Silva Junior <theojr@terra.com.br>
data 17/04/2008 14:05
assunto Premio Nobel - Reportagens

VOLTAR