BATALHÃO DE INFANTARIA DO III/2º R.I. DEODORO/VILA MILITAR - RIO DE JANEIRO, EM MISSÃO DE PAZ PELA UNEF NA FAIXA DE GAZA E DESERTO DO SINAI - EGITO (R.A.U.) DE JANEIRO DE 1957 Á JULHO DE 1967. Primeira Força de Emergência das Nações Unidas A primeira experiência histórica das Forças Armadas brasileiras em missão de paz da ONU, foi o envio de um Batalhão de Infantaria “Batalhão Suez” de aproximadamente 600 homens ao Egito cujos  membros se revezavam, ao todo em  vinte Contingentes,  renovados duas vezes por  ano, de tal forma que cada Contingente permaneceu em média, pouco mais de 12 meses, integrando a UNEF1 - Força de Emergência das Nações Unidas, organizada com a finalidade de separar forças egípcias e israelenses. Contribuiu, no período, com efetivo acumulado de aproximadamente 6.300 homens, durante mais de dez anos de missão de Paz . O Brasil exerceu o Comando operacional da UNEF I de janeiro a agosto de 1964 (General Carlos Paiva Chaves) de janeiro de 1965 a janeiro de 1966 (General Sizeno Sarmento).

 

Clique no Play, para assistir o vídeo.

VÍDEO

Dependendo da conexão de cada computador,  a exibição do vídeo poderá demorar alguns minutos.

Caso você já possua algum programa de vídeo no seu computador, basta clicar no link abaixo:


VOLTAR